Conseguir o corpo desejado a qualquer preço

No sábado passado, no número 101 do suplemento Smoda de O País, publicando um artigo sobre as loucuras de alguma dietas e como a opinião pública trata de forma diferente para as mulheres e para os homens diante de “suas loucuras com a comida”. Se bem que é engraçado ouvir Mario Vaquerizo dizer que sua dieta é composta de vários litros de cerveja a cada dia, mas que está magro porque não combina com comida você?, quando uma afirmação assim sai da boca de uma mulher, que lhe saltam as críticas de toto tipo.

No artigo que você pode ler de forma completa neste link (e que vos encorajamos que você faça), você pode ler a opinião de nossa Diretora Técnica Joana Manuel González sobre o papel dos meios de comunicação na composição da imagem corporal da mulher e o acompanhamento de certas orientações dietéticas.

Nós tivemos várias experiências “não positivas” com meios de comunicação em que tivemos que pedir que não continham nossos comentários ou contribuições já que levamos muito a sério o que e como se comunica em temas de saúde e nutrição, e como alguns itens e/ou meios de comunicação fomentam hábitos e um tipo de corpo não saudável. Então, nós estamos muito contentes de que um meio como O País publique um artigo sobre esta temática.